Diferenças entre mielopatia e radiculopatia

mielopatia e radiculopatia

Introdução



A medula espinhal é uma estrutura tubular, composta por um feixe de nervos, que se estende desde a base do cérebro até a 2ª vértebra lombar. Consiste em vários segmentos dos quais saem os nervos espinhais. O comprimento do cabo é de 18 polegadas em males e aproximadamente 17 polegadas nas mulheres. Existem 31 segmentos nervosos na medula, estes são divididos em 8 cervicais, 12 torácicos, 5 lombares, 5 sacrais e 1 coccígea. Lesões na medula espinhal e seus nervos, dependendo da gravidade, podem produzir sintomas variando de dor para completar a paralisia.



Definição

A mielopatia é uma condição que afeta a medula espinhal. Quando é resultado de trauma na medula espinhal, é conhecido como lesão medular. Mielite ou mielopatia é a inflamação da própria medula espinhal. A radiculopatia é uma condição caracterizada pelo envolvimento de um único ou grupo de nervos. É causada por compressão ou irritação da raiz nervosa quando ela sai e emerge da medula espinhal.



Causas

A causa mais comum de mielopatia é a compressão da medula espinhal por uma hérnia de disco (comumente chamada de hérnia de disco). Outras causas incluem, trauma, compressão de dentro ou devido a pressão externa, tanto devido a tumores, cistos. Fatores causais menores incluem doenças degenerativas da coluna, doenças que causam infecção e inflamação da medula espinhal. A radiculopatia é causada por compressão do nervo. Isso acontece quando os músculos, ossos e tecidos circundantes sofrem lesões ou mudam de posição. Isso resulta na compressão da raiz nervosa, causando sintomas.

A compressão do nervo pode ser o resultado de uma hérnia de disco, trauma, estresse, postura incorreta. A causa mais comum de radiculopatia é observada na coluna cervical, causando dor no pescoço e formigamento nas mãos associado. Além disso, comumente observada é a dor lombar, com dor irradiando para baixo na perna devido ao impacto do nervo ciático.



Sinais clínicos

Mielopatia

Os sinais dependem do nível e extensão do cabo envolvido. No entanto, o comum sintomas que se desenvolvem nas mielopatias são Fraqueza, falta de jeito e tônus ​​alterado do músculo. Irregularidades da bexiga e intestinos, disfunção sexual podem ocorrer se o cordão for afetado na metade inferior. As alterações sensoriais que causam diminuição da percepção sensorial ou aumento das sensações podem ser notadas pelos pacientes.

Na radiculopatia, dependendo da localização do nervo envolvido, os sintomas podem ser dor no pescoço e formigamento nas mãos, dor nas costas com irradiação para a perna. A dor às vezes aumenta ao tossir, espirrar ou levantar pesos pesados. Torpor de pele na perna ou no pé e também pode ocorrer perda de reflexos.

Diagnóstico

A ressonância magnética é a base para o diagnóstico de mielopatia. Clinicamente, o diagnóstico é feito pela localização do segmento de cordão envolvido, dependendo dos sinais e sintomas. O raio X é a primeira investigação feita para diagnosticar uma radiculopatia, seguida por ressonância magnética ou tomografia computadorizada, se necessário.

Tratamento

A mielopatia é bastante difícil de tratar e o tratamento completo raramente acontece. Se o trauma for a causa, a estabilização da postura é o primeiro passo. Se o tumor ou cistos forem os fatores causais, a remoção cirúrgica deve ser realizada para proporcionar alívio.

No entanto, na radiculopatia, o alívio dos sintomas é muito mais fácil de obter. Isso pode ser conseguido com a ajuda de analgésicos, antiinflamatórios, exercícios, correção postural, técnicas de ioga e relaxamento. Os sintomas geralmente melhoram em 6 semanas.

Resumo

A mielopatia é o acometimento da medula espinhal devido a várias causas, enquanto a radiculopatia é o envolvimento de uma raiz nervosa, única ou múltipla. O tratamento sintomático da radiculopatia é muito mais fácil do que contra a mielopatia, que é difícil de tratar completamente.

Publicações Populares

Diferença entre Fedora e Red Hat

O Projeto Fedora com suporte da comunidade e o Red Hat Enterprise Linux (RHEL) são tecnologias de código aberto que desfrutam de um relacionamento mutuamente benéfico.

Diferença entre borboleta e mariposa

Borboleta vs Mariposa Tanto a borboleta quanto a mariposa são da ordem dos lepidópteros e seu ciclo de vida consiste em quatro estágios; ovo, larva, pupa e adulto. Â ambos

Diferença entre grãos e fubá

Todos nós sabemos o que é milho e a maioria de nós o consome quase todos os dias. Pode ser consumido na forma de diversos produtos. O milho é um alimento básico em todo o

Diferença entre comprimidos de magnésio e comprimidos de cloreto de magnésio

Comprimidos de magnésio versus comprimidos de cloreto de magnésio Os comprimidos de magnésio são basicamente prescritos para pessoas que sofrem de deficiência grave de magnésio. Magnésio é

Diferenças entre replicação e transcrição de DNA

Replicação vs transcrição do DNA O DNA é a base de cada vida. É a chave da própria existência de como a vida continua. Produzindo crianças de uma maneira

Diferença entre local e jurisdição

Foro vs Jurisdição Jurisdição e foro são palavras relacionadas à lei. 'Jurisdição' é a autoridade concedida a um órgão legal para julgar um caso.